14 milhões de pessoas são atingidas pelo desemprego em abril

0

Dados do IBGE dão conta de que país ganhou 2,8 milhões de desempregados no período de um ano.  

Os brasileiros desempregados já somam 14 milhões, de acordo com números de fevereiro a abril divulgados esta semana pelo IBGE. Isso representa um aumento de 8,7% em relação ao mesmo trimestre de 2016, quando o país contava com 11,4 milhões de pessoas sem emprego.

Portanto, houve um crescimento de 2,8 milhões de desempregados em um ano.

Mais do que isso, segundo informou o instituto, trata-se da maior taxa de desocupação e do maior contingente de pessoas desocupadas (sem trabalho e procurado emprego) para um trimestre terminado em abril desde o início da série, em 2012”.

“Este é o 29º trimestre móvel consecutivo de subida da taxa [de desemprego]”, prosseguiu o IBGE em nota.

Esse número de desempregados ainda superou em 9,1% o montante constatado no trimestre anterior (novembro de 2016 a janeiro de 2017), quando o Brasil tinha 12,9 milhões de pessoas desempregadas.

Por outro lado, o aumento no número de desempregados desacelerou se for levado em conta os dados de 2015. Na comparação entre o trimestre de fevereiro e abril de 2015 com 2016, o aumento havia sido de 18,6%.

Esse fato, de acordo com o coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, Cimar Azeredo, pode representar uma melhoria da crise que assola a economia brasileira nos últimos anos.

“Se observa uma desaceleração tanto do crescimento da desocupação quando da queda da população ocupada. Isso pode ser um sinal de que estamos diante de um processo de recuperação, analisou.

Pessoas empregadas

O IBGE ainda informou que dentro desse período entre fevereiro e abril o país tinha 89,2 milhões de pessoas com emprego, sendo 33,3 milhões delas com carteira assinada. Esses dados apresentaram queda de 1,5% e 1,7% na comparação com o mesmo período de 2016.

Trata-se do menor contingente de brasileiros com carteira assinada desde o início da série histórica, em 2012.

Compartilhar

Sobre o autor

Guilherme Uchoa

Integrante do Núcleo de Comunicação do Grupo Skill. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, e pós-graduado em: Apuração e Produção de Reportagem; Criação e Edição do Texto Jornalístico para Diferentes Mídias; Jornalismo Cultural; Teoria da Comunicação; Comunicação, Redes Sociais e Cibercultura; e Comunicação, Globalização e Cultura da Imagem.

Os comentários estão fechado.