CLT ou PJ: Qual é melhor?

0

A CLT e o PJ são as duas formas de contratação mais comuns no mercado de trabalho. Entretanto, ao procurar seu emprego, o empregado precisa saber ao certo qual dos dois tipos é o mais benéfico em seu caso.

meeting-1020177_1920Por isso, confira a seguir como é cada opção, além de um comparativo entre os dois:

CLT

A Consolidação das Leis do Trabalho, ou CLT, é uma contratação que confere ao contratado diversos benefícios. Entre eles, estão férias de 30 dias remuneradas, vale-refeição, vale-transporte, seguro desemprego, 13º salário e FGTS.

Também são garantidos pela CLT o aviso prévio, licença saúde, licença maternidade e paternidade, entre outros.

O salário do empregado nesse caso, entretanto, sofre alguns descontos referentes ao INSS, uma parcela do vale transporte e Imposto de Renda.

PJ

A contratação por Pessoa Jurídica (PJ), por sua vez, não proporciona nenhum dos benefícios citados acima, e o empregado não possui nenhum vínculo com o empregador.

Até há alguns casos em que a empresa paga férias remuneradas e 13º salário mesmo em caso de contratação PJ. Porém, outras questões como alimentação e transporte ficam por conta do funcionário.

Como as empresas economizam verba com encargos trabalhistas, o salário de uma PJ costuma ser maior do que o de um profissional CLT. Entretanto, cabe ao próprio empregado fazer seus recolhimentos.

Uma vez que a PJ não conta com os recolhimentos feitos pela companhia que o contrata, ela deve pensar em investir parte de seus vencimentos em um plano de previdência privada ou contribuir com o INSS de maneira própria, para ter direito à aposentadoria e demais benefícios previdenciários.

Para exemplificar melhor as diferenças entre os dois casos, vamos usar como base um salário bruto de R$ 5.000,00.

Na CLT, seriam descontados R$ 500,54 de Imposto de Renda e R$ 430,76 de INSS, resultando em R$ 4.068,70 para o trabalhador.

Para a PJ, há tanto uma estimativa para optantes do Simples Nacional quanto para Lucro Presumido. No primeiro caso, seriam descontados R$ 300 de impostos e outros R$ 311 de contabilidade, sobrando R$ 4.389,00.

Já no Lucro Presumido, são retirados R$ 816,50 de impostos, além dos mesmos R$ 311 de contabilidade. Com isso, o total fica em R$ 3.872,50.

Compartilhar

Sobre o autor

Equipe Skill

Desde 1979 a nossa missão é oferecer aos nossos clientes o mais alto nível de excelência na prestação de serviços, apresentando resultados, soluções e planejamento com profissionalismo, qualidade, precisão e ética. Nossos escritórios oferecem o suporte necessário para que a equipe de profissionais SKILL atue em todas as regiões do Brasil, o que torna nossa organização capaz de atender às necessidades específicas de cada cliente, oferecendo os serviços consultoria, contabilidade e tecnologia da informação.

Os comentários estão fechado.