Pedidos de falência e recuperação judicial seguem em queda em 2017

0

Balanço mensal comparou primeiros cinco meses de 2017 com igual período de 2016.

Os dados mensais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) comprovam que as empresas no Brasil estão finalmente passando um momento melhor, mesmo com a crise que afeta o país.

Isso porque, segundo divulgado, os números de pedidos de falência, falências decretadas, pedidos de recuperação judicial e recuperações judiciais deferidas caíram na comparação entre janeiro a maio de 2017 com o mesmo período de 2016.

queda pedidos de falência, falências decretadas, pedidos de recuperação judicial e recuperações judiciais deferidas

A maior queda foi observada no número de pedidos de recuperação judicial: 21,7%. As recuperações judiciais deferidas, por sua vez, recuaram 8,1%.

Já o número de pedidos de falência apresentou queda de 8,4% na comparação entre os primeiros cinco meses de 2017 e 2016, enquanto que as falências decretadas recuaram 7%.

Tendência de 2017

queda pedidos de falência, falências decretadas, pedidos de recuperação judicial e recuperações judiciais deferidas

A mesma tendência já havia sido observada no último balanço divulgado pela Boa Vista SCPC, em maio, quando foram comparados os quatro primeiros meses deste ano e do ano anterior.

Naquela oportunidade, os números de pedidos de falência, falências decretadas, pedidos de recuperação judicial e recuperações judiciais deferidas apresentavam redução de, respectivamente, 15%, 1,6%, 28,3% e 18,5%.

Compartilhar

Sobre o autor

Guilherme Uchoa

Integrante do Núcleo de Comunicação do Grupo Skill. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, e pós-graduado em: Apuração e Produção de Reportagem; Criação e Edição do Texto Jornalístico para Diferentes Mídias; Jornalismo Cultural; Teoria da Comunicação; Comunicação, Redes Sociais e Cibercultura; e Comunicação, Globalização e Cultura da Imagem.

Os comentários estão fechado.