Acordo entre Sebrae e BNDES libera R$ 6 bilhões para pequenos negócios

0

280 mil pequenos negócios poderão ser beneficiados pela parceria.

O Sebrae e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) assinaram nesta quarta-feira (17) um acordo que irá resultar na liberação de R$ 6 bilhões para empreendedores de pequenos negócios nos próximos dois anos.

Ao todo, 150 mil microempreendedores individuais (MEI), 90 mil microempresas e 40 mil empresas de pequeno porte devem se beneficiar com a parceria, segundo afirma a Agência Sebrae de Notícias.

Divulgação BNDES

A oficialização da ação se deu na sede do Sebrae Nacional, em Brasília, e contou com a presença dos presidentes das duas organizações: Guilherme Afif Domingos, pelo Sebrae, e Paulo Rabello de Castro, pelo BNDES.

“O crédito é o combustível para as micro e pequenas empresas e nossa batalha é desburocratizar o acesso e conseguir melhores taxas de juros para elas”, destacou Domingos.

 

Plano de Trabalho

O plano de trabalho, ainda conforme divulgado pelo Sebrae, prevê quatro eixos principais que deverão ser executados no prazo de dois anos: concessão de crédito orientado e garantias; canais de distribuição de crédito e financiamento; capitalização das micro e pequenas empresas; e relacionamento institucional.

 

Mais crédito

O BNDES garante que vem desenvolvendo ações para simplificar, agilizar e ampliar o acesso ao crédito das micro e pequenas empresas. Entre essas iniciativas, o banco destacou o lançamento do Canal do Desenvolvedor MPME, em junho de 2017. Segundo afirma, por meio dele já foram realizadas mais de 25 mil solicitações de financiamento, “com efeito multiplicador de mais de 54 mil propostas remetidas aos agentes financeiros repassadores”. A maior parte do público que acessa a ferramenta (95%) é formada por micro e pequenas empresários, majoritariamente do setor de comércio e serviços.

“Nos próximos anos estaremos com mais de 50% de empréstimos para as MPMEs e o Canal do Desenvolvedor é o que me habilita a acreditar nisso”, aponta Ricardo Luiz de Souza Ramos, diretor do BNDES.

Essa ferramenta dá mais poder ao empreendedor na negociação de melhores condições de financiamento para desenvolver o seu negócio. Além disso, responde à necessidade de modernização do modelo de negócios do BNDES no atendimento às MPEs, com maior rapidez, simplicidade, proximidade e transparência”, prossegue.

Até agora, mais de 250 operações foram originadas no Canal e representaram R$ 100 milhões em novos negócios com MPEs.

Compartilhar

Sobre o autor

Guilherme Uchoa

Integrante do Núcleo de Comunicação do Grupo Skill. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, e pós-graduado em: Apuração e Produção de Reportagem; Criação e Edição do Texto Jornalístico para Diferentes Mídias; Jornalismo Cultural; Teoria da Comunicação; Comunicação, Redes Sociais e Cibercultura; e Comunicação, Globalização e Cultura da Imagem.

Os comentários estão fechado.