Início de ano letivo: como preparar o planejamento da instituição

0

Com o início de mais um ano letivo, é importante que a direção e a coordenação das escolas façam um bom planejamento antecipado, que estabeleça objetivos e garanta o começo das atividades escolares de forma organizada.

É esse planejamento que assegura que tudo ocorra com qualidade e tranquilidade no decorrer do ano.

Confira a seguir quais as melhores formas de planejar um novo ano letivo escolar e quais as principais precauções a serem tomadas para realizar um bom trabalho.

Prepare professores e funcionários

Na primeira reunião pedagógica, é interessante reforçar os valores da instituição e definir os papéis de cada setor, para que todos possam trabalhar em harmonia. Incentive também a interação entre professores e funcionários e, principalmente, entre os novos colaboradores, a fim de que todos se sintam confortáveis para trabalhar.

É importante que as orientações a respeito do horário de funcionamento dos diversos setores da escola e aspectos do cotidiano escolar estejam claras. Vale ressaltar também quais as instruções para situações atípicas, como falta de professor ou acidentes com os alunos.

Insira a tecnologia na gestão e no cotidiano da instituição

Já é possível contar com o apoio da tecnologia para otimizar tarefas que costumam consumir muito tempo da equipe, como montar o quadro de horário dos professores e preencher o diário de classe. As aulas e os conteúdos em sala também podem ser gerenciados, a fim de aproximar a comunicação entre alunos e professores.

Além disso, a tecnologia é uma ótima opção para o planejamento financeiro e criar relatórios de produtividade. Também é possível produzir gráficos que cruzam dados internos e externos, com a finalidade de possibilitar a visão de cenários tanto da instituição quanto de mercado.

Renove objetivos e metas

Os objetivos e metas da instituição devem estar alinhados ao desejo e satisfação dos pais, alunos e funcionários. Para o novo ciclo, é interessante analisar as melhorias necessárias na infraestrutura da escola e avaliar a satisfação de todos, para se pensar o que precisa ser mudado. Não tenha medo de inovar!

É necessário, também, averiguar a lista de novos alunos e analisar se existem casos especiais que precisam ser atendidos. Caso existam, é recomendável cogitar a possibilidade de parcerias com outros profissionais, como pedagogos, fonoaudiólogos e nutricionistas, entre outros.

Acompanhe o planejamento escolar durante o ano letivo

Planeje o calendário escolar de forma bem definida mas não enrijecida, pois mudanças ao longo do ano podem ser necessárias. Coloque reuniões pedagógico/administrativas quinzenais ou mensais para acompanhar o andamento do planejamento e verificar se as metas e os objetivos estão sendo cumpridos.

Quando o planejamento é bem-feito, as chances de haver problemas ou surpresas durante o ano são consideravelmente reduzidas. Mas, caso seja verificado a necessidade de fazer correções durante o decorrer dos meses, não hesite em realizá-las. O bem-estar e a satisfação de todos devem ser tomados como prioridade.

Elaborar o planejamento escolar exige tempo e esforço, mas é uma tarefa indispensável no início de todo ano letivo, pois garante a qualidade do ensino e a satisfação de toda a comunidade escolar. Utilize sempre as experiências positivas e negativas dos anos anteriores e aprimore-as no próximo ano.

 

Fonte: Blog Gennera

Compartilhar

Sobre o autor

Fonte

Esta é uma réplica publicada na fonte acima. As opiniões veiculadas no texto não refletem necessariamente a opinião do Grupo Skill.

Deixe um comentário