Pelo 4º ano seguido, saques da poupança superam depósitos em janeiro

0

Volume maior de saques é corriqueiro no começo de cada ano, em função das contas de início de ano.

Em janeiro de 2018 a poupança registrou uma saída de R$ 5,2 bilhões, conforme informou o Banco Central. Com isso, trata-se do quarta vez seguida em que os saques superam os depósitos no primeiro mês do ano.

Ao todo, foram depositados na poupança R$ 186,516 bilhões em janeiro, contra o saque de R$ 191,718 bilhões.

Com esse resultado, o estoque da poupança teve uma queda. Ao final de 2017, o saldo estava em R$ 724,6 bilhões. Agora, o volume total aplicado na poupança está na ordem de R$ 722,36 bilhões.

Contas de janeiro

Um volume maior de retiradas é corriqueiro para o primeiro mês de cada ano, uma vez que se trata de um período em que as famílias arcam com despesas de início de ano, como IPTU, IPVA e mensalidades, além da compra de material escolar.

Apesar disso, o saldo negativo deste ano é o menor desde 2015. Em janeiro daquele ano, o valor total de saques foi R$ 5,52 bilhões maior do que o de depósitos. Já em 2016, a diferença foi de R$ 12,03 bilhões. Por sua vez, janeiro do ano passado teve um volume de saques R$ 10,73 bilhões superior aos depósitos.

Além disso, o próprio saldo de janeiro poderia ter sido pior se não fosse pelo crescimento de depósitos verificado na reta final do mês. Apenas entre 30 e 31 de janeiro, foram depositados R$ 3,65 bilhões na poupança.

No saldo total de 2017, o cenário foi positivo: os depósitos superaram os saques em R$ 17,12 bilhões. Já nos anos anteriores, em que a crise econômica estava mais acentuada, foram registrados saques líquidos de R$ 50,149 bilhões (em 2015) e R$ 31,233 bilhões (em 2016).

Queda de rendimento

A queda dos juros básicos da economia em 2017 fez com que a caderneta de poupança ficasse menos atraente.

No ano passado houve um recuo do juro básico para 7% ao ano. Dessa forma, a partir de dezembro, a correção da poupança passou a ser 70% dessa taxa, ou seja, 4,9% ao ano, mais Taxa Referencial.

Compartilhar

Sobre o autor

Guilherme Uchoa

Integrante do Núcleo de Comunicação do Grupo Skill. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, e pós-graduado em: Apuração e Produção de Reportagem; Criação e Edição do Texto Jornalístico para Diferentes Mídias; Jornalismo Cultural; Teoria da Comunicação; Comunicação, Redes Sociais e Cibercultura; e Comunicação, Globalização e Cultura da Imagem.

Os comentários estão fechado.