Pequenos negócios usam sites de recrutamento para suprir ausência de RH

0

Pesquisa verificou quais fatores são determinantes na hora que as pequenas e médias empresas escolhem os sites especializados que usarão.

recrutamento, sites de recrutamento, pequenos negócios, RH, profissionais, novos talentos, vagas

 

Uma pesquisa realizada pelo Estadão e pela Officina Sophia/HSR Specialist Researchers verificou quais são as prioridades dos pequenos negócios ao escolher qual site de recrutamentos será usado para a seleção de seus profissionais.

De acordo com o estudo, que leva o nome de Escolha PME, 46% dos pequenos e médios empresários apontam os serviços oferecidos pelos portais como aspecto mais importante. Dentro desse grupo, a qualidade dos serviços (76%) e a agilidade (36%) foram os aspectos mais destacados.

para uma parcela de 33% dos entrevistados, o atendimento dos sites especializados em recrutamento é o principal ponto analisado. Para esse grupo, a agilidade (54%) também foi uma das características mais lembradas.

Auxílio para o recursos humanos

Os portais de recrutamento possuem uma relevância maior para os pequenos empreendimentos do que para as grandes companhias, conforme aponta o Estadão, uma vez que essas empresas contam com estruturas mais modestas e não costumam ter equipes tão estruturadas de recursos humanos.

Com um software inteligente e uma equipe em contato para atender suas demandas”, conforme destaca Cristina Degani, da equipe de Marketing de Produtos da Vagas.com, “os empresários economizam tempo, e isso é muito valioso”.

Já a gerente de marketing da unidade de negócios B2B da Catho, Beatriz Soares, opina que “a maior ‘dor para essas empresas é selecionar e reter talentos”.

Diferentes abordagens

A empresa de Beatriz, a Catho, é líder do ranking de melhores sites para recrutamentos, feito pela Escolha PME, com 61 pontos.

Esse portal conta com mais de oito milhões de currículos cadastrados e, ao invés de cobrar das empresas para a publicação de vagas, ele cobra os candidatos que desejam incluir seus currículos no site.

Dessa forma, conforme explica a gerente de Marketing da unidade de negócios B2B da Catho, os candidatos inscritos no site demonstram um interesse maior. “Como estão pagando, usam, correm atrás das vagas”.

Além disso, a líder do ranking também oferece um serviço de consultoria gratuita que auxilia as empresas a criarem anúncios mais convidativos.

recrutamento, sites de recrutamento, pequenos negócios, RH, profissionais, novos talentos, vagas

Nem sempre o que a empresa escreve é o que atrai mais o candidato. Temos especialistas que ajudam a montar a vaga pensando nisso, o que é importante para o pequeno empresário, que costuma ter um quadro restrito de funcionários para essa tarefa”, aponta Beatriz.

Por outro lado, há serviços mais complexos que só podem ser utilizados pelas companhias que optarem por pagar os valores cobrados. É o caso da ferramenta de busca ativa que permite que a empresa receba recomendações de candidatos que podem se interessar pela vaga divulgada, e tem a possibilidade de aplicar um teste online para avaliar as suas competências e habilidades específicas.

Essa opção, entretanto, não é a mais utilizada pelos empreendimentos menores. Segundo Beatriz, 90% das pequenas empresas optam por usar apenas as ferramentas gratuitas.

O site Vagas.com, por sua vez, prefere usar uma abordagem diferente, cobrando as empresas pelo anúncio de vagas, enquanto permite que o cadastro de currículos seja feita gratuitamente. Essa plataforma possui mais de 2.500 clientes, sendo que as PMEs compreendem metade deles.

Para esse público, o site criou uma modalidade pré-paga, em que a empresa anunciante compra créditos para gastar com o que desejar e quando precisar. Esses créditos podem ser usados para um processo seletivo ou para outros recursos, como aplicar uma avaliação comportamental para selecionar os candidatos, por exemplo.

Outro site de recrutamento que também opta por cobrar pelos anúncios das companhias e não pelo cadastro de currículos é o Infojobs. Porém, de acordo com a pesquisa, o portal não foi encontrado para falar sobre o assunto.

 

Compartilhar

Sobre o autor

Guilherme Uchoa

Integrante do Núcleo de Comunicação do Grupo Skill. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, e pós-graduado em: Apuração e Produção de Reportagem; Criação e Edição do Texto Jornalístico para Diferentes Mídias; Jornalismo Cultural; Teoria da Comunicação; Comunicação, Redes Sociais e Cibercultura; e Comunicação, Globalização e Cultura da Imagem.

Os comentários estão fechado.